Parede da garagem, de garrafas PET começa a ser construída

Postado por em mar 29, 2012 em CONSTRUÇÃO | 6 Comentários

Enquanto a laje cura o suficiente para as escoras serem retiradas, e as paredes do interior da  casa estão sendo preenchidas com mistura de 30% de terra, 70% de areia e 10% disto de cimento CP3 (só revestimento externo, pois os vãos entre os pneus já foram preenchidos por barro e feno apenas), vamos realizando algumas obras no exterior também. Aqui preparamos a parede da garagem, ou do quintal, que será o acesso principal a Casa Orgânica.

A armação é de ferro 3/16, mas poderia ser de bambu. Infelizmente não conseguimos este material renovável aqui na região facilmente, e como a quantidade é pequena, usamos barras de ferro.

A armação é preparada contando que a cada 35 cm será o meio de uma fileira de garrafas PET.

A armação é amarrada com arame.

Em seguida as garrafas são inseridas entre a armação. Estamos usando garrafas vazias, mas elas poderiam ser enchidas com lixo plástico, ajudando a dar destinação para poluentes.

Após uma fileira de garrafas ser posicionada, com arame amarramos a armação da frente e de trás da parede a cada 4 garrafas, prendendo-as.

O próximo passo é fazer uma mistura de terra e areia, e um pouco de cimento para dar liga.

O material é colocado manualmente, preenchendo todo um lado da parede. Depois de seco, enchemos o outro lado. O processo se repete até a parede estar toda preenchida. A obra continua…

Compartilhe! Share!

6 Comentários

  1. boa tarde pelo que entendias carrafas pet junto com os ferros são preenchidos com uma mistura de terra e areia, e um pouco de cimento mim surgio uma duvida o ferro não ira danificar em contato com a terra?

    • Oi Adriano, o problema do ferro é oxidar, na presença de oxigênio. Como ele fica selado na mistura, que depois vai cimento e cal de revestimento externo da parede, o ferro não tem contato com o ar, minimizando a ferrugem.

  2. Olá,

    Gostaria de saber se ha alguma base de apoio para que as paredes sejam levantadas. Pelas fotos não ha, sendo assim a parede não fica instavel e sem fixação?

    • Oi, gratos pelas mensagens. Sim, as paredes de pneu não tem apoio, mas como são intercalados, eles se travam entre si. Depois na ultima camada vai uma coroa de concreto e ferro que sela o sistema, ai sim, todo bloco fica sólido.
      No caso da parede de pet, precisa de colunas a cada metro e meio ou 2 metros, para ficar bem resistente. Faça o trançado de ferro ou bambu, instalando os ferros da coluna que serão preenchidos com concreto depois. O suporte de colunas é como numa parede de tijolos comuns. As colunas de sustentação devem ser chumbadas na laje no chão. A mistura é de argila sim, com palha ou feno seco, e areia. Somente na parte de fora vai 10% de cimento. Não pode usar brita nesta mistura, senão fica muito pesada a massa. A mistura é igual as casas de pau-a-pique, somente no exterior vai o cimento, e na ultima camada o cal. Outros revesimentos podem ser usados, mas depende do acabamento que quer dar. Ano que vem publicaremos o livro da casa organica com todos detalhes. Abs

  3. Olá, Tenho mais algumas duvidas…

    Estou fazendo uma parede semelhante a essa do seu site, porém ela será localizada no segundo pavimento de uma edificação, ou seja, o chão é uma laje. No meu caso gostaria de saber o que devo usar para apoiar a base das paredes de pet na laje, se devemos fazer algum tipo de calço pra daí subir com as pets.

    Obrigada,
    Pops

  4. Olá, parabéns pela iniciativa,
    Muito bacana.

    Mais uma duvida,
    A mistura de terra e areia, e um pouco de cimento é o suficiente para o fechamento da parede? É seguro encostar e apoiar nessa parede sem brita na mistura? A brita não é necessário, por que?

    Como deve ser feita a abertura de janelas? como fazer a moldura?

    Depois de preencher os dois lados com a mistura de terra, areia e cimento deve-se colocar necessariamente cimento e cal de revestimento externo da parede ou pode-se escolher outro revestimento? se sim, quais são indicados?

    Obrigada mais uma vez,
    Pops***

Deixe uma Réplica

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *